Terça, 20 08, 2019

Fertilização In Vitro Convencional

 A FIV é conhecida originalmente como técnica de “Bebê de Proveta”, método de reprodução assistida conhecida em todo mundo. Esta técnica tem o principal objetivo de produzir pré-embriões de boa qualidade para implantação direta na cavidade uterina. Os preparos são obtidos por meio de estimulação ovariana e capacitação espermática. Os gametas captados são colocados juntos em incubadora apropriada para ocorra a fertilização em uma ambiente que simule a cavidade uterina e consequentemente a formação de pré-embriões. Após 3 a 5 dias, é realizado a transferência dos mesmos para a cavidade uterina. Esta técnica é indicado para os casos de fator tuboperitonial (obstrução das trompas), endometriose, infertilidade imunológica feminina e masculina, fator cervical, fator masculino leve e moderado e infertilidade sem causa aparente. Esta técnica não favorece aqueles casais em que o homem apresente uma contagem muito pequena de espermatozóides ou quando não apresenta espermatozóides no ejaculado.